Como dividir o quarto com irmãos? Arquiteta dá dicas

Se dividir a atenção dos seus pais não é nada fácil quem dirá dividir o quarto, seu guarda roupas, o computador, a TV e etc..

Essa é a realidade de muitas pessoas que precisam compartilhar seu espaço com suas irmãs ou irmãos, ora por falta de espaço ou mesmo por uma escolha, dos pais, é lógico.
Rebecca Salles, 19 anos e sua irmã Marissa Salles, 17, dividem o quarto em um apartamento em São Paulo mais por “critério” da mãe do que por falta de espaço.

“Estamos pensando em nos mudar para uma casa com três dormitórios, mas vamos continuar dormindo juntas”, diz Rebecca. “Minha mãe acha que essa é a forma de ficarmos mais unidas”, completa Marissa.
Não muito longe encontramos duas irmãs com dificuldades parecidas: Ana Paula Camillo Santana, de 15 anos e Ana Carolina Camillo Santana, 11, a diferença é que se a casa fosse maior elas dormiriam sim em quartos separados.

“Eu queria dormir sozinha porque a Carol é muito desorganizada”, diz Ana Paula. “Mas mesmo assim você teria que arrumar meu quarto”, declara a caçula. Ao que parece Ana Paula não teria escolhas.
Os problemas que elas relatam estão mais relacionados em aceitar as diferenças de comportamento do que no espaço propriamente dito, as irmãs Salles tem problemas devido a uma “pequena dificuldade” da irmã mais velha tem: “ela é muito bagunceira”, diz Marissa, que desde de pequena se pega arrumando os deslizes de Rebecca.
Ana Paula se queixa que a irmã sempre chega em casa jogando as roupas no chão. “Eu não gosto de arrumar minhas coisas”, confessa Carol, Ana Paula diz que reclama para sua mãe, mas ela insiste que ela mesma deve arrumar já que a irmã se nega a fazer o serviço.

Como dividir o quarto sem brigas?

É praticamente impossível não existir brigas entre irmãos seja por brinquedos, espaço no guarda roupas ou por motivos pequenos, tão pequenos que você nem consegue se lembrar depois.
“Quando eu tinha doze anos tivemos uma briga feia, eu puxei a Marissa pelos cabelos e a derrubei do beliche, ela, revidando, me deu uma mordida”, relata Rebecca. “Nem lembramos o motivo da briga, mas eu sou muito provocativa, gosto de mexer com ela, sou implicante”, diz Marissa.
Ao que parece o tempo trouxe maturidade e hoje quase não há brigas na casa das irmãs Salles. “É difícil conviver com a Rebecca, mas quando ela não está eu sinto falta”, diz Marissa.
Ana Paula e Ana Carolina confessam que brigam sim, mas não ficam mais de cinco minutos sem se falarem. “Eu não gosto que a Paula mexe muito no controle da televisão, fica trocando os canais eu reclamo com ela até ela colocar em um programa que eu também gosto”, declara Carol.
Mas tem uma reclamação que traz brigas na casa de todas elas: luz que se ascende enquanto a outra está dormindo. Será que existe algo mais chato do que ser acordada desse jeito?
A arquiteta Isve Campos diz que um aparelho ajuda a diminuir esse inconveniente. “Caso não seja possível fazer um projeto de iluminação um dimmer já ajuda bem, pois controla a incidência de luz no ambiente. Mas importante também é que cada um tenha sua luz direta. Hoje há lindas luminárias que são presas na parede, ideais para a leitura na cama, antes de dormir.” Fica a dica!

Decoração para quarto de irmãos 

Será que tem como deixar o quarto do seu jeito mesmo sendo divido com outra pessoa? A maioria dos objetos de decoração do quarto das irmãs Salles é da Marissa, mas isso não é um problema, elas dividiram o espaço do armário igualmente, assim como o maleiro e a sapateira.

O problema está apenas na cor das paredes: A Rebecca quer quarto pink a Marissa não. “Estamos pensando em mudar a cor do quarto, mas não entramos em acordo. Acho que vai ser um lado verde e outro rosa bebe”, avisa Marissa. “Ah, eu queria tudo rosa”, reclama Rebecca.
Será que essa combinação verde e rosa ficaria legal no quarto? A arquiteta Isve Campos garante que sim “Essa mistura fica bem sim, desde que os móveis e elementos do quarto tenham tons neutros. O branco e a palha clarinha são boas opções”, diz a profissional carioca. Outra dica bacana em caso de paredes pintadas é evitar cores fortes em colchas e travesseiros.
Para as irmãs Salles ela dá uma dica interessante “Usar uma terceira cor, que combine com o verde e com o rosa. Neste caso o lilás combina bem. Almofadas com estampas nesses tons ficam um charme!”
Ana Paula e Ana Carolina também não acharam uma cor que as duas gostem: “Eu queria azul”, diz Ana Paula. “E eu queria rosa”, rebate Carol, mas logo quando se mudaram as paredes do quarto eram amarelas até que a mãe das duas resolveu pintar a casa toda de cor-de-rosa. E a Ana Carolina adorou!

Aprenda a decorar quarto de irmãos

Perguntamos a arquiteta Isve Campos algumas dicas para deixar o seu quadrado com a sua cara, mesmo que ele não seja só seu. De forma que cada irmã se sinta em um lugar particular. “Não é necessária uma parede para separar os ambientes. É possível fazer uma divisão com móveis. Tente colocar entre as camas um objeto neutro, como um criado mudo ou nicho de gesso”, diz Isve.
E para dar a sua cara no quarto vem um valioso segredo: na parede do lado de cada uma, pode entrar um painel bacana, que tenham a personalidade da menina. Que máximo!
A loja Criare de Copa Cabana enviou essa foto linda, como modelo de um quarto perfeito para duas meninas. É um sonho, não é mesmo?
Manual de sobrevivência
* Divida o espaço do quarto e os armários de forma justa e igual
* Faça horários para música, estudos, navegar na internet e respeite o horário da outra
* Converse sempre para dizer o que gosta e o que discorda da opinião e atitudes da irmã
* Respeite o sono uma da outra
* Respeite a privacidade, nada de ouvir conversa no telefone ou interferir nos áudios do WhatsApp.

 

Modelos de decoração para quartos de irmãos

decoração de quartos quarto para meninas quarto de irmãs quarto para três crianças quarto menino e menina decoração quarto de irmãos quarto de meninos beliche para crianças quarto planejado para irmãos dividir quarto

  • Matéria publicada na revista UMA GIRL (Editora Símbolo) escrita pela jornalista Leiliane Lopes.
Compartilhe:

Comentar Via Facebook

Post Author: Leiliane Lopes

Editora do Soul Mulher, sou uma jornalista apaixonada pelo universo feminino e trago para este site o que encontro de mais relevante e transformador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *